Home » Tonico Senra » Zoo – 27/02/2017

Zoo – 27/02/2017

tonico_site

• Para a estréia da peça teatral “Les Miserables” no Teatro Renault, a CARBON Blindagem reservou 10 lugares para clientes preferenciais.

• Colocar o deputado Omar Serraglio na pasta da Justiça é o mesmo que colocar o lobo para cuidar do galinheiro. Esta figura foi o medíocre relator da CPI dos Correios e aliado de carteirinha do presidiário “Propina” Cunha.

• Isabelle Moreira Lima nos trouxe no suplemento Paladar do jornal “O Estado de São Paulo” uma deliciosa reportagem sobre os vinhos dos famosos, desde Brad Pitt a Andrea Bocelli, cada um a seu estilo destilam as suas preferências. Para mim, sigo o estilo do tenor Andrea Bocelli, o Sangiovese 2013, ao preço de R$190 a garrafa. Na boca é equilibrado, tem boa acidez e pouco tanino. Boa pedida!

• Adoro o clichê humorístico de mulher cansada de guerra que posa nua diante das lentes de algum lambe-lambe simplesmente pelo saboroso cachê, tentando justificar que se trata de nú artístico. Mais ou menos como beijo artístico em novelas. Então ficamos assim…

• Neyde e Carlos Buttori escolheram Santiago do Chile para ficar em retiro completo de 10 dias.

• Esta conversinha de José Serra de problemas de saúde é mais furada que queijo suíço na prateleira do Empório Santa Luzia. O que pesou é a eminência da divulgação das delações da Odebrecht. Serra recebeu propina de R$23 milhões. Contra fatos não existem argumentos.

• Se houver um lampejo de lucidez no Palácio da Alvorada, o nome certo para substituir o insípido e inodoro José Serra no Ministério das Relações Exteriores, seria o ex-embaixador Rubens Barbosa.

• Márcia e Caio Turqueto estão em Cuiabá, onde Caio foi ver de perto a nova programação jornalística da TV Centro América, que pertence ao grupo Zahran, do qual faz parte ativamente.

• A BSS promove o seu já tradicional café da manhã na loja da Av. Europa.

• Frase ouvida no campus da USP: Maconha, já!

• Notícia boa: o Supremo Tribunal Federal negou por 8 a 1 colocar em liberdade o ex-presidente da Câmara dos Deputados “Propina” Cunha, preso a quatro meses em Curitiba. O ministro Edson Fachin rejeitou o pedido da defesa do corrupto cassado e foi seguido pela maioria.

• A nova coleção de camisas polo, camisetas, bonés e bermudas da grife Mercedes-Benz estão à venda na badalada loja Mercedes-Benz, instalada na revenda Comark na Av. Faria Lima.

• Mais uma “pérola” dita pelo “Jegue” Jucá, líder (sic!) do governo no Congresso: “Se acabar o foro, é para todo mundo. Suruba é suruba. Aí é para todo mundo na suruba, não uma suruba selecionada”. Um retrato fiel da ignorância e falta de educação de um político venal.

• Enquanto a mulher Soraya em nome da moda está em Barcelona, o marido Ronaldo Milan com os filhos curte Laranjeiras.

• Kadú Lopes que retornou da China, voltou a assumir a Q7 Blindagem apresentando uma planilha de prioridades para o marketing da empresa.

• As apostas continuam pelos corredores corruptos de Brasília: qual será a próxima lambança de autoria de “Jegue” Jucá? Fora o destempero constante recheado de palavras impróprias, a lambança que ficará na história será a da PEC/032017 que impedia que membros da linha sucessória da Presidência da República fossem investigados por atos anteriores ao mandato. A proposta beneficiaria diretamente os presidentes do Senado e da Câmara citados com todas as letras na Operação Lava Jato. A Constituição já prevê este entendimento para o presidente da República.

• Diante da nomeação esdrúxula de Alexandre de Moraes “Lizado” para o ministério da Justiça, uma frase da professora Deisy Ventura de Relações Internacionais da USP resume o fato: “Deveria ser obrigado a escrever 100 vezes no quadro negro as frases que copiou de outros autores”. E completando Sérgio Shecaire, professor de Direito Penal da USP, alegou que Moraes ”Lizado” afirmou em seu currículo ter cursado pós–doutorado na Universidade em 1998, quando o curso não existia. Mais uma enganação a domicílio…

  • Para a estréia da peça teatral “Les Miserables” no Teatro Renault, a CARBON Blindagem reservou 10 lugares para clientes preferenciais.
  • Colocar o deputado Omar Serraglio na pasta da Justiça é o mesmo que colocar o lobo para cuidar do galinheiro. Esta figura foi o medíocre relator da CPI dos Correios e aliado de carteirinha do presidiário “Propina” Cunha.
  • Isabelle Moreira Lima nos trouxe no suplemento Paladar do jornal “O Estado de São Paulo” uma deliciosa reportagem sobre os vinhos dos famosos, desde Brad Pitt a Andrea Bocelli, cada um a seu estilo destilam as suas preferências. Para mim, sigo o estilo do tenor Andrea Bocelli, o Sangiovese 2013, ao preço de R$190 a garrafa. Na boca é equilibrado, tem boa acidez e pouco tanino. Boa pedida!
  • Adoro o clichê humorístico de mulher cansada de guerra que posa nua diante das lentes de algum lambe-lambe simplesmente pelo saboroso cachê, tentando justificar que se trata de nú artístico. Mais ou menos como beijo artístico em novelas. Então ficamos assim…
  • Neyde e Carlos Buttori escolheram Santiago do Chile para ficar em retiro completo de 10 dias.
  • Esta conversinha de José Serra de problemas de saúde é mais furada que queijo suíço na prateleira do Empório Santa Luzia. O que pesou é a eminência da divulgação das delações da Odebrecht. Serra recebeu propina de R$23 milhões. Contra fatos não existem argumentos.

 

·          

 

 

·         Se houver um lampejo de lucidez no Palácio da Alvorada, o nome certo para substituir o insípido e inodoro José Serra no Ministério das Relações Exteriores, seria o ex-embaixador Rubens Barbosa.

·         Márcia e Caio Turqueto estão em Cuiabá, onde Caio foi ver de perto a nova programação jornalística da TV Centro América, que pertence ao grupo Zahran, do qual faz parte ativamente.

·         A BSS promove o seu já tradicional café da manhã na loja da Av. Europa.

·         Frase ouvida no campus da USP: Maconha, já!

·         Notícia boa: o Supremo Tribunal Federal negou por 8 a 1 colocar em liberdade o ex-presidente da Câmara dos Deputados “Propina” Cunha, preso a quatro meses em Curitiba. O ministro Edson Fachin rejeitou o pedido da defesa do corrupto cassado e foi seguido pela maioria.

·         A nova coleção de camisas polo, camisetas, bonés e bermudas da grife Mercedes-Benz estão à venda na badalada loja Mercedes-Benz, instalada na revenda Comark na Av. Faria Lima.

·         Mais uma “pérola” dita pelo “Jegue” Jucá, líder (sic!) do governo no Congresso: “Se acabar o foro, é para todo mundo. Suruba é suruba. Aí é para todo mundo na suruba, não uma suruba selecionada”. Um retrato fiel da ignorância e falta de educação de um político venal.

·         Enquanto a mulher Soraya em nome da moda está em Barcelona, o marido Ronaldo Milan com os filhos curte Laranjeiras.

·         Kadú Lopes que retornou da China, voltou a assumir a Q7 Blindagem apresentando uma planilha de prioridades para o marketing da empresa.

·          

 

 

·         As apostas continuam pelos corredores corruptos de Brasília: qual será a próxima lambança de autoria de “Jegue” Jucá? Fora o destempero constante recheado de palavras impróprias, a lambança que ficará na história será a da PEC/032017 que impedia que membros da linha sucessória da Presidência da República fossem investigados por atos anteriores ao mandato. A proposta beneficiaria diretamente os presidentes do Senado e da Câmara citados com todas as letras na Operação Lava Jato. A Constituição já prevê este entendimento para o presidente da República.

·         Diante da nomeação esdrúxula de Alexandre de Moraes “Lizado” para o ministério da Justiça, uma frase da professora Deisy Ventura de Relações Internacionais da USP resume o fato: “Deveria ser obrigado a escrever 100 vezes no quadro negro as frases que copiou de outros autores”. E completando Sérgio Shecaire, professor de Direito Penal da USP, alegou que Moraes ”Lizado” afirmou em seu currículo ter cursado pós–doutorado na Universidade em 1998, quando o curso não existia. Mais uma enganação a domicílio…

About the author

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>