Home » Prof Luiz Marins » O que nos resta para 2016?

O que nos resta para 2016?

marins

Com toda a humildade, (que vem de húmus, terra) sem fantasias e com os pés cravados na terra, na realidade concreta do dia a dia, qual alternativa nos resta para 2016? A resposta é uma só: trabalhar, trabalhar, trabalhar.

E ainda trabalhar com inteligência e sabedoria para que saibamos discernir o que realmente fazer para que nosso trabalho não seja em vão. Teremos que usar todo potencial criativo e inovador das pessoas que trabalham conosco, liberar suas mentes, permitir o novo, o inusitado, o que ainda não foi tentado. Não podemos desperdiçar nenhum talento e tentar encontrar em meio a tantas dificuldades, alguma oportunidade, por menor que seja e não perdê-la, testá-la, cuidando dos detalhes na execução para que uma boa ideia não se perca por erro de implantação.

Além do total uso da inteligência, da criatividade e da inovação, teremos que redobrar nosso domínio da vontade para fazer as coisas acontecerem. Apesar de todas as adversidades teremos que encontrar forças e muita disciplina para agir. Essa disciplina da vontade será absolutamente necessária em todos os momentos de 2016. Teremos que visitar mais clientes, sair mais ao mercado, nos reunir mais com fornecedores, enfim teremos que trabalhar muito e para isso não podemos deixar  que nossa vontade enfraqueça frente aos obstáculos. E ainda teremos que motivar pela razão nossos colaboradores para que eles igualmente não desistam, que a desesperança não tome conta de suas mentes, para que continuem tentando muitas vezes o impossível.

Que ninguém se iluda: 2016 será difícil. Que ninguém espere facilidades. Seremos desafiados até o nosso cerne, mas não podemos  desistir, jogar a toalha, abandonar o jogo. Só sairemos dessa situação se fizermos as coisas certas em todos os campos – político, econômico e social. Boa parte não dependerá de nós, mas sempre teremos voz e vez para de alguma forma influenciar e modificar a realidade e não podemos, nem devemos nos omitir.

Com trabalho duro, inovação, criatividade, muita fé e coragem, usando toda a nossa inteligência e vontade enfrentaremos 2016 e  poderemos sair dele melhor do que estamos entrando.

Pense nisso. Sucesso! Coragem em 2016!

About the author

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>